Passar para o Conteúdo Principal
Partilha
Hoje
Hoje
Amanhã
Amanhã
Menu

Informatização/Modernização Administrativa/Sociedade de Informação

A modernização administrativa revela-se um projecto crucial para a actualização dos procedimentos administrativos do dia-a-dia, tornando as tarefas que lhe são inerentes mais céleres e tecnologicamente activas. O processo de modernização administrativa compreende as fases de reengenharia e certificação de processos, desmaterialização e gestão documental, infra-estruturas tecnológicas de suporte e plataformas de disponibilização de informação e serviços.

Com a reengenharia e certificação de processos pretende-se criar normas e regras de funcionamento segundo os princípios estabelecidas nos Sistemas de Gestão da Qualidade das Normas Europeias, permitindo às entidades utilizar o logótipo e designação de entidade certificada.

A desmaterialização e gestão documental tem como principal objectivo publicar e/ou reestruturar os vários conteúdos e serviços actualmente dispersos nas câmaras municipais e disponibilizá-los através de uma plataforma, efectuando, assim, a integração entre os sistemas de informação autárquicos e a plataforma de gestão documental de forma a suportar o atendimento presencial dos munícipes no modelo de balcão único de atendimento, compreendendo a implementação de importantes aplicações, como a gestão de expediente, base de dados, gestão de processos, assinatura digital, factura electrónica, compras electrónicas e ainda a disponibilização de SIG on-line.

Com as infra-estruturas tecnológicas de suporte à modernização administrativa pretende-se dotar os municípios de servidores de suporte às aplicações, equipamentos de segurança, assim como toda a componente de cópias de segurança e disponibilidade, criando condições para basear o seu funcionamento num sistema eminentemente desmaterializado, perspectivando-se potenciar o desenvolvimento de soluções de comunicação integradas, que assegurem a conectividade entre os vários edifícios, numa óptica de racionalização das infra-estruturas e/ou serviços de comunicações, contemplando as etapas de interligação de edifícios em banda larga, actualização do parque informático e aquisição de hardware adicional.

As plataformas de disponibilização de informação e serviços consistem no recurso a tecnologias multi-canal para atendimento e/ou comunicação dentro da Administração Pública e entre a Administração Pública e os cidadãos e empresas, compreendendo os processos de criação de interfaces para balcão único, serviços on-line com utilização de cartão de cidadão, criação de portais de disponibilização de informação e serviços em multi-plataforma e disponibilização de informação georreferenciada on-line.

Voltar